Crianças com deficiência de Curionópolis receberão reabilitação


  • Nenhum comentário
  • Destaques

Durante a reunião foram pautadas as necessidades dos usuários e suas famílias

A Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) de Curionópolis promoveu na última semana uma reunião de levantamento das demandas necessárias para assegurar às crianças e adolescentes com deficiência intelectual e/ ou múltipla, melhorias nos atendimentos aos usuários e suas famílias, com foco em reabilitação em saúde.

O encontro contou com a presença de mães das crianças com deficiência e representantes da Secretaria de Planejamento, da Saúde, do Gabinete do prefeito e um membro da Comissão de Implantação da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

A neta da dona Rosilene Cruz tem apenas quatro anos de idade e nasceu com a Síndrome de Moebius (SM), caracterizada pela paralisia congênita e não progressiva de nervos cranianos. A doença produz uma aparência facial pouco expressiva e estrabismo convergente. A avó se emociona ao falar sobre o cotidiano dos cuidados com a menina a quem que se dedica.

“Para essa mocinha aqui eu dedico praticamente todo o meu tempo. Eu passei quatro anos me deslocando para outro município atrás dos tratamentos para ela, e isso é cansativo. Mas agora melhorou. Sempre busco assistência na secretaria eu sou atendida”, argumentou dona Rosilene.

De acordo com os dados levantados no último censo escolar, realizado em 2017, Curionópolis tem cerca de 64 crianças e adolescentes com laudos médicos atestando algum tipo de deficiência. Elas precisam de auxílio de outras pessoas para realização de tarefas, locomoção ou cuidados especiais. A expectativa do município é oferecer o acompanhamento a todas elas.

“Foi em busca de trazer melhoria à qualidade de vida das famílias com crianças e adolescentes com deficiência que vamos assegurar a assistência aqui mesmo em Curionópolis, sem a necessidade das crianças se deslocarem para outra cidade até a implantação de um centro especializado”, disse a Secretária de Assistência Social Cristina Salazar.

Para melhor atender estas famílias que antes precisavam se deslocar, o governo pretende promover o acesso a habilitação e reabilitação em saúde, que, deverá oferecer acompanhamento pela equipe de profissionais médicos que atuam no município.

Um processo de implantação da Apae no município de Curionópolis está em andamento e aguarda o cumprimento de questões burocráticas para seu devido funcionamento. Também está em fase de implantação o Conselho Municipal da Criança com Deficiência. As secretarias de Planejamento, Saúde e Assistência Social realizarão a implantação dos serviços de acordo com o orçamento disponibilizado por cada pasta. O prazo de execução é até 2020.


Mais do Portal F5


  • Destaques

Jogo do Tigrinho: Desvendando os Segredos

Investigação de engenheiro de segurança cibernética revela bastidores do jogo online e alerta para falta...

  • Destaques

Polícia prende homem com fuzil anti-drones em Nova Iguaçu

Agentes da Polícia Federal e da Receita Federal frustraram, na manhã de segunda-feira (15), o...

  • Destaques

Operação Santa Rota Combate Corrupção em Santaluz

A Operação Santa Rota combate corrupção em Santaluz e investiga irregularidades na contratação de transporte escolar. A...

Você não pode copiar esse texto.