Ações do Outubro Rosa serão intensificadas nas unidades


  • Nenhum comentário
  • Destaques

Na próxima semana, a partir de 22/10, a campanha do Outubro Rosa, que visa buscar prevenção ao câncer de mama, será intensificada em todas as unidades de saúde de Parauapebas, quando serão realizadas palestras, consultas médicas e solicitação de exames de mamografia para mulheres que apresentam faixa etária compatível com o rastreio. A programação do Outubro Rosa foi iniciada no dia 4 passado, com um ato ecumênico na Policlínica, e deve ser estendida até o final deste mês.

Nesta sexta (19), no período matutino, diversas ações foram realizadas por equipe de nutricionistas da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) na Vila Paulo Fonteles, onde mulheres daquela comunidade passaram a receber orientações sobre a importância da alimentação saudável para a prevenção do câncer de mama. Na Vila, o “Dia D” da campanha está marcado para o próximo dia 26, quando uma equipe multiprofissional da Semsa realizará uma série de exames nas mulheres daquela comunidade. Outras unidades seguem programação específica, mas as ações são realizadas durante todo o mês.

A meta é despertar a consciência de todas as mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero. “Esse é um momento que nós, representantes do governo municipal, reforçamos a atenção ao câncer de mama. Durante todo o mês de outubro todas as Unidades Básicas de Saúde estarão realizando ações de prevenção e combate ao câncer de mama”, anunciou a diretora da Gestão do Trabalho, Terezinha Guimarães.

Terezinha Guimarães garante que ações duram todo o mês

A enfermeira e coordenadora da Rede de Atenção à Pessoa com Doença Crônica, Silvana Manito, ressaltou que o público alvo da campanha são  as mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos, independentemente de apresentarem algum sintoma. Conforme explicou o oncologista Rodolfo Amoury Júnior, quanto mais avança a idade mais risco a mulher corre de ter a doença.

Daí, a campanha para que elas fiquem sempre atentas não apenas no mês de outubro, mas ao longo do ano, e não deixem de fazer os exames de rotina. A campanha, frisou Amoury Jr., “é só um alerta para que a mulher procure se cuidar”.

Nesse período também é dada maior atenção às mulheres que tiveram ou têm algum caso de câncer de mama na família ou que têm sinal de nódulo, secreção nos mamilos ou alguma alteração na mama, completou a coordenadora Silvana Manito.

DOE LENÇOS

Em Parauapebas, o Instituto Vencendo o Câncer (Ivecan) é a entidade que mais luta para a melhoria do atendimento às mulheres vítimas da doença. E não apenas isso: também trabalha a autoestima delas tendo em vista que muitas acabam entrando em depressão quando descobrem o câncer, o que só piora quando vem a queda de cabelo decorrente da quimioterapia.

Fundadora do Ivecan, Edelves Carvalho faleceu em 2017, mas não sem antes também desenvolver uma campanha de arrecadação de lenços para cabeça para distribuir para as vítimas da doença. Campanha que foi abraçada pelo governo municipal. “Também serão arrecadados e doados lenços durante o mês para as mulheres com câncer. Será uma simples e singela homenagem a elas, que estão enfrentando e lutando contra a doença”, enfatizou Terezinha Guimarães.

Os lenços podem ser doados na Secretaria da Mulher (Semmu), que promoveu ação no prédio da prefeitura, para alertar as servidoras públicas sobre o câncer de mama, com a presença de integrantes do Ivecan e do Conselho da Saúde. A entrega dos lenços para o instituto será na manhã do dia 31 deste mês, na prefeitura.


Mais do Portal F5


  • Destaques

Jogo do Tigrinho: Desvendando os Segredos

Investigação de engenheiro de segurança cibernética revela bastidores do jogo online e alerta para falta...

  • Destaques

Polícia prende homem com fuzil anti-drones em Nova Iguaçu

Agentes da Polícia Federal e da Receita Federal frustraram, na manhã de segunda-feira (15), o...

  • Destaques

Operação Santa Rota Combate Corrupção em Santaluz

A Operação Santa Rota combate corrupção em Santaluz e investiga irregularidades na contratação de transporte escolar. A...

Você não pode copiar esse texto.