Acusado de matar mulher e jogar no rio Parauapebas é preso no MS


  • Nenhum comentário
  • Destaques

Romário Sousa da Cruz, 32 anos, suspeito de ser o autor do feminicídio e ocultação de cadáver em desfavor de sua ex-companheira Rosivânia Torquato Xavier, a qual foi encontrada no dia 17 de setembro boiando no Rio Parauapebas, envolta em uma lona amarrada e presa a pedras, 
foi preso hoje (26/09) no município de Glória de Dourados, Mato Grosso do Sul.

O mandado de prisão foi expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Parauapebas, ensejado por representação do Delegado Felipe Oliveira, da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil.

Policiais militares do município de Glória de Dourados (MS),  realizaram contato com a delegacia de Parauapebas, comunicando sobre abordagem de um indivíduo suspeito, ocupando um veículo com placa de Parauapebas (PA), estando na companhia de duas crianças.

Confrontando as informações, verificou-se ser Romário Sousa da Cruz, que foi conduzido à delegacia daquela cidade, onde confessou a autoria do crime.

As crianças ficaram custodiadas no Conselho Tutelar sulmatogrossense, o qual já realizou contato com os familiares da vítima, que se deslocarão até o outro estado para receberem a guarda dos impúberes.

Policiais desconfiaram de postura suspeita de Romário, ao ser abordado


Mais do Portal F5


  • Destaques

Vale abre vagas de estágio no Pará

A mineradora Vale, referência global no setor de mineração, está com inscrições abertas para o Programa...

  • Destaques

Justiça Autoriza Transfusão de Sangue em Bebê Contra Vontade dos Pais

Decisão Judicial Prioriza Vida de Recém-Nascido A Justiça de Ilhéus, Bahia, autorizou uma transfusão de...

  • Destaques

Polícia Federal Interrompe Atividade de Mineradora Clandestina no Pará

Cumaru do Norte (PA) — Em uma ação decisiva, a Polícia Federal (PF) desmantelou uma operação...

Você não pode copiar esse texto.