Produtores da APA participam de projeto para ampliação da produção leiteira


  • Nenhum comentário
  • Destaques

Produtores recebem orientação sobre gestão da renda e requisitos para uma boa produção

Sr. Adão e Dona Lúcia Adão Florentine são produtores rurais na APA do Gelado. Eles integram o grupo de 17 proprietários que, durante um ano, participarão de projeto de capacitação promovida pela Fundação Vale, em parceria com a Associação de Produtores, que tem como objetivo contribuir para o fortalecimento da cadeia produtiva partir da ampliação da produção leiteira.

De acordo com a analista de Negócios Sociais da Fundação Vale, Georgina Rosa, a demanda de capacitação e apoio produtivo veio diretamente dos produtores da APA que fornecem para o Laticínio Estação. “A base de nossa atuação é a metodologia do programa Balde Cheio da Embrapa, que além de melhorar o manejo do rebanho tem como foco o gerenciamento da propriedade pelos produtores atendidos”.

Ela comenta também que “além da capacitação, iremos apoiar com na implantação de 1ha de pasto irrigado no sistema rotacionado por propriedade, o que dá maior produtividade em uma área menor, serviços de mecanização, sistema de irrigação, piquetiamento, doação de sementes e adubo, além de um ano de assistência técnica. Todo aparato, para que eles tenham toda competência e sigam independentes”, destaca Georgina.

Técnico dá instruções em campo sobre o manejo rotacionado, que aumenta a produção com correto uso do solo

Adão assistiu a primeira aula aplicado. Para ele, o dia de formação teórica trouxe aprendizado muito bom. “Pode ser que nos primeiros dias, até pegar a prática, a gente possa ter um pouco de dificuldade. Mas tendência é melhorar. Só com acompanhamento a gente vai conseguir desenvolver e atingir o objetivo. Se a gente tem um projeto, mas não tem treinamento para você saber lidar, fazer as contas de lucro e de custo, sem esses conhecimentos a gente não vai chegar a lugar nenhum”, conclui.

Este é o primeiro projeto que envolve capacitação e acompanhamento técnico para produtores da APA do Gelado. As próximas capacitações estão previstas para setembro e novembro.

Sobre o Laticínio Estação

O Laticínio Estação, coordenado pela área de Geração de Trabalho e Renda da Fundação Vale, em parceria com Associações de Produtores Rurais, está instado na comunidade da APA do Gelado. Na unidade, o total de 4,1mil litros de leite, por dia, adquirido de 88 produtores de leite de oito comunidades de Parauapebas é transformado em queijo e manteiga. Os produtos já chegam a supermercados locais e também em Marabá, Castanhal e Belém, além de pizzarias, padaria, casa de massas e hotel. A atividade tem favorecido uma outra vocação econômica do município, a produção agropecuária.


Mais do Portal F5


  • Destaques

Adolescente Mata Família em SP e Choca a Comunidade Local

Um adolescente de 16 anos chocou a cidade de São Paulo ao confessar ter assassinado...

  • Destaques

Programa de Formação Profissional da Vale Expande Oportunidades

A Vale lançou um Programa de Formação Profissional (PTP) para capacitar indivíduos com as habilidades...

  • Destaques

Câmara de Parauapebas aprova campanha contra crimes cibernéticos

A Câmara Municipal de Parauapebas aprovou uma campanha de conscientização e prevenção contra crimes cibernéticos....

Você não pode copiar esse texto.